Russell Hartenberger

É professor emérito e antigo diretor da Escola de Música da Universidade de Toronto (Canadá). Ele é membro fundador do grupo de percussão Nexus e do grupo de Steve Reich desde 1971. Iniciou seus estudos de percussão em Oklahoma City com Alan Abel. Em 1966, ele recebeu seu diploma de B. Mus do Instituto Curtis, onde estudou com Fred D. Hinger. Fez o seu mestrado na Universidade Católica, onde estudou novamente com Alan Abel. Ele é Ph.D. em World Music pela Wesleyan University, com especialização na música da África Ocidental, Norte e Sul da Índia e Indonésia. 

 

Russell integrou a Oklahoma City Symphony, foi principal percussionista da New Haven Symphony, timpanista da Canadian Opera Company, e se apresenta frequentemente com a Orquestra de Toronto. Ele também trabalhou e/ou gravou com músicos tão diversos como Leo Brouwer, Pierre Boulez, John Cage, Pablo Casals, Peter Erskine, Gil Evans, Steve Gadd, Jimmy Garrison, Vinko Globokar, Barbara Hannigan, Fritz Hauser, Paul Hillier, Heinz Holliger, Paul Horn, Mauricio Kagel, Kronos Quartet, Yo Yo Ma, Pauline Oliveros, Oscar Peterson, Trichy Sankaran, Glen Velez e Paul Winter.

 

Com Steve Reich e Musicians, ele gravou diversos álbuns para a ECM, DGG e Nonesuch Records, e se apresentou na famosa gravação de Music for 18 Musicians, ganhadora do Grammy. Com o Reich Ensemble, Russell excursionou por todo o mundo e tocou com a Filarmônica de Nova York, Filarmônica de Israel, Orquestra de Rádio de Colônia, Sinfônica de Londres e Filarmônica de Brooklyn. Como membro do Nexus, Russell se apresentou com importantes orquestras na América do Norte, Europa e Ásia. Juntamente com os membros do Nexus, ele criou a trilha sonora do documentário completo vencedor do Oscar, The Man Who Skied Down Everest. Em 1999 ele entrou para o ‘PAS Hall of Fame’, mais importante título de reconhecimento ao trabalho de performance e ensino de percussão conferido pela PAS (Sociedade de Artes de Percussão). Em 2017, recebeu o Prêmio Leonardo da Vinci World of Arts pelo Conselho Mundial de Cultura da Universidade de Leiden, Holanda.

 

Seu artigo, “Encounters with John Cage”, apareceu na edição de setembro de 2012 do Percussive Notes e seu ensaio, “Clapping Music: Perspectiva de um artista”, está no The Ashgate Research Companion to Minimalist and Postminimalist Music (Ashgate 2013). Ele é editor do Cambridge Companion to Percussion e autor de Performance Practice in the Music de Steve Reich, ambos publicados pela Cambridge University Press em 2016.

Russell Hartenberger 2